Total de visualizações de página

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Uma questão de ESCOLHA


(vídeo do post uma questao de escolha - "a drinking problem")


Assim diz o Senhor dos exércitos: Considerai os vossos caminhos.Tendes semeado muito, e recolhido pouco; comeis, mas não vos fartais; bebeis, mas não vos saciais; vestis-vos, mas ninguém se aquece; e o que recebe salário, recebe-o para o meter num saco furado. (Ag 1.6-7)

A nossa satisfação (ou insatisfação) com a nossa vida, não é mera sorte ou acaso, tampouco culpa de alguém.

Geralmente quando sentimos algum vazio ou sensação de "que está faltando algo" em nós para nos sentirmos saciados, olhamos ao redor e procuramos o porquê ou quem nos gerou o tal vazio.

A verdade é que somos saciados à medida em que reconhecemos que nossas ESCOLHAS ERRADAS nos levaram ao mal estar, ao vazio e à solidão e mudamos essas escolhas; parece tão simples, mas a maior dificuldade que o ser o humano tem é a de "considerar os seus próprios caminhos".


Diante dessa dificuldade em reconhecer erros próprios, passamos a insistir nas mesmas escolhas erradas: cometemos SEMPRE os mesmos erros, falamos sempre as mesmas coisas, reagimos sempre do mesmo jeito, fugimos sempre da mesma maneira - da verdade - que é: nossas escolhas erradas são a fonte de nossa insatisfação e frustração, e ninguém mais.

Pessoas abandonam a Deus sob o pretexto de que Ele não as ajudou a sair de determinadas situações, ou que, o evangelho "não preencheu" o vazio de sua vida;
eu pensava nisso quando há uns dias atrás li uma frase de um autor americano que creio que responde resumidamente a tudo o que se pode dizer a respeito do assunto desse post, era mais ou menos assim:

"Se a escada que nos leva a Deus tem mil degraus,
Ele descerá 999 em nossa direção, menos o último;
pois a escolha em estar nEle, é sempre nossa".

De fato, TUDO o que Deus pode fazer por nós, Ele fará; nos cercará, Se aproximará, exibirá diante dos nossos olhos a Sua vontade, a que SACIA de verdade.

Porém, a ESCOLHA que cabe a nós, Ele não poderá fazer, pois isso fere o livre arbítrio que Ele conferiu à toda Sua criação.

Se você tem se sentido insatisfeito em alguma área da sua vida, vai um conselho: considere suas escolhas, e compare com a verdade da Palavra.

Não insista em continuar a repetir atos que nunca irão satisfaze-lo.
É UMA SIMPLES QUESTÃO DE ESCOLHA.

Um comentário:

  1. Mas,quando o Evangelho não preenche o vazio na vida das pessoas é por que querem viver na igreja e no mundo, querem soluções dos problemas mas não querem deixar os pensamentos do mundo.

    ResponderExcluir